segunda-feira, 12 de abril de 2010

Você é a solução

Você é a solução para a sua geração. Você é a resposta de Deus para mudar a sua geração. Moisés era um homem sentenciado à morte, mas o Senhor tem sempre um propósito com cada um de nós. Ele ouve o nosso clamor:

“E disse o Senhor: Tenho visto atentamente a aflição do meu povo, que está no Egito, e tenho ouvido o seu clamor por causa dos seus exatores, porque conheci as suas dores.

Portanto desci para livrá-lo da mão dos egípcios, e para fazê-lo subir daquela terra, a uma terra boa e larga, a uma terra que mana leite e mel...

E agora, eis que o clamor dos filhos de Israel é vindo a mim, e também tenho visto a opressão com que os egípcios os oprimem.

Vem agora, pois, e eu te enviarei a Faraó para que tires o meu povo (os filhos de Israel) do Egito. (Êxodo 3:7-10).

Agora é o tempo de Deus para nós. Ele diz a você que vai lhe enviar agora. Para o início do cumprimento das promessas é necessária uma predisposição nossa para entender isso. Deus tinha uma grande promessa para o povo que estava cativo no Egito, mas precisava de alguém disposto a ser usado como cooperador.

Em seus projetos Deus sempre envolve pessoas através de um chamado, pois o maior projeto de Deus é você, coroa da criação.

“Mas Deus escolheu as coisas loucas deste mundo para confundir as sábias; e Deus escolheu as coisas fracas deste mundo para confundir as fortes;

E Deus escolheu as coisas vis deste mundo, e as desprezíveis, e as que não são, para aniquilar as que são” (I Coríntios 1:27-28).
Deus escolheu aquilo que parece não ser para fazer delas coisas grandiosas. Escolheu pessoas que podem até ser desprezíveis do ponto de vista humano, social.

“(Como está escrito: Por pai de muitas nações te constituí) perante aquele no qual creu, a saber, Deus, o qual vivifica os mortos, e chama as coisas que não são como se já fossem” (Romanos 4:17).
Ele acredita em você mesmo que você ainda não seja. Ainda que você não acredite em si mesmo ele já acredita e fará coisas que você ainda não acredita.

A Palavra registra que Deus, pelas mãos de Paulo, fazia maravilhas extraordinárias. Até os lenços e aventais que ele usava eram levados até os enfermos, e as enfermidades fugiam deles, e os espíritos malignos saíam. Houve um momento em que os seguidores de artes mágicas queimaram seus livros em público, que valiam cinquenta mil peças de prata (Atos 19:11-19).

É você quem vai restaurar o entendimento das pessoas. Você foi ungido para por em liberdade os cativos. Jesus disse que:

“Não me escolhestes vós a mim, mas eu vos escolhi a vós, e vos nomeei, para que vades e deis fruto, e o vosso fruto permaneça; a fim de que tudo quanto em meu nome pedirdes ao Pai ele vo-lo conceda” (João 15:16).
Ele designou, comissionou. Há uma missão a ser cumprida. A grande colheita começa com os frutos. Ele é a videira:

“Toda a vara em mim, que não dá fruto, a tira; e limpa toda aquela que dá fruto, para que dê mais fruto.

Vós já estais limpos, pela palavra que vos tenho falado.

Estai em mim, e eu em vós; como a vara de si mesma não pode dar fruto, se não estiver na videira, assim também vós, se não estiverdes em mim” (João 15:2-4).
Se permanecermos nele teremos respaldo para pedirmos o que quisermos. Se estivermos limpos poderemos frutificar, dar mais frutos ainda. Mas esse fruto não poderá ser de temporada, devem ser permanentes. Os frutos são o respaldo para receber mais de Deus.

:: Quer receber os textos do blog por e-mail? Clique
Site MANT Belém

Nenhum comentário:

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP