sábado, 16 de agosto de 2008

Unção

Não sei bem ao certo motivo de escrever isto, mas Deus tem me incomodado todos os dias nos últimos 2 meses...

Posso sentir isso como sinto o calor de meio dia, posso ver como vejo a tela do computador, está chegando sobre a minha vida uma unção sem precedentes, algo que nunca experimentei nos meus recentes 18 anos de idade.

Quando oro, vejo, algo que não se pode medir com palavras, pessoas caindo, trêmulas, chorando, escorrendo pelas cadeiras, como se seus corpos não suportassem a presença magnífica naquele lugar.

Um novo tempo está a nossa porta, Casa do Pão, um tempo de unção transbordante, uma época em que os filhos do Senhor que estiverem dispostos a negarem a si mesmos, abrindo mão de suas próprias vidas, receberão poder e autoridade.

Igreja, a multiplicação dos peixes é agora, rasguem os corações e sintam a presença do Todo Poderoso, digo o que o Senhor está me dizendo, os que estiverem determinados de todo o coração a receber a presença do Espírito Santo, a receberão!
Site MANT Belém

2 comentários:

Marta Cardoso disse...

Não tinha palavras pra dizer, nem conseguia comentar o que não consigo entender. As vezes choro de boba na rua, só de sentir o que está por vir. No culto de ontem conclui mais uma vez que tudo está diferente, até nossos semblantes! Difícil explicar, mas nem precisa. É algo pra se sentir mesmo!

Marta Cardoso disse...

Ah, sim esqueci!!!! AMÉM AMÉM AMÉM AMÉM AMÉM AMÉM AMÉM

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP