sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Sem exposição não há êxito

Da janela é possível ver a criançada brincando na rua, os jovens aproveitando o dia ensolarado, os amigos dividindo as boas novas. Há quem tome banho de chuva ou apanhe aquela manga que acabou de cair. Até a “banda” passa. É possível ficar de fora disso ou é melhor ficar na janela?

Todas as casas, apartamentos, igrejas e órgãos públicos possuem portas e janelas. A porta tem a finalidade de nos permitir entrar e sair. As janelas apenas nos permitem a visão, a observação, sem que tenhamos que sair.

Imagine então uma festa para uma multidão, onde todos dançavam e saltavam por causa da alegria pela presença do Senhor! Era um evento acompanhado de perto por todos da cidade. Mas faltava alguém.

Quem faltava naquela festa era Mical, filha mais nova do rei Saul, esposa do rei Davi. Mas porque não estava lá?

Nos tempos em que Golias era uma ameaça para o povo de Deus, o rei Saul prometeu dar sua filha Merabe a Davi se ele matasse o gigante. “Porém quando chega o tempo Saul dá sua filha a outro” (I Sm 18:19). Tudo porque Saul sentia inveja e ciúmes ao ver as mulheres dançando e cantando a vitória de Davi:

“E as mulheres, dançando, cantavam umas para as outras, dizendo: Saul feriu os seus milhares, porém Davi os seus dez milhares. Então Saul se indignou muito, pois aquela palavra pareceu mal aos seus olhos, e disse: Dez milhares atribuíram a Davi, e a mim somente milhares; que lhe falta, senão só o reino? Daquele dia em diante, Saul trazia Davi sob suspeita” (I Sm 18:7-9).

Saul fica sabendo que sua filha mais nova amava Davi e se aproveita desse fato para planejar a morte de Davi. “Mas Mical, a outra filha de Saul, amava a Davi; sendo isto anunciado a Saul, pareceu bem aos seus olhos. E Saul disse: Eu lha darei, para que ela lhe sirva de laço, e para que a mão dos filisteus venha a ser contra ele. Pelo que Saul disse a Davi: com a outra serás hoje meu genro” (I Sm 18:20-21).

O plano para que Davi morresse
“Então disse Saul: Assim direis a Davi: O rei não deseja dote, senão cem prepúcios de filisteus, para que seja vingado dos seus inimigos. Porquanto Saul tentava fazer Davi cair pela mão dos filisteus” (I Sm 18.25).

Davi paga preço dobrado
“Quando Davi se levantou, partiu com os seus homens, e matou dentre os filisteus duzentos homens; e Davi trouxe os prepúcios deles, e os entregou, bem contados, ao rei, para que fosse seu genro. Então Saul lhe deu por mulher sua filha Mical” (I Sm 18:27).

O plano de Saul é frustrado e ele teme a Davi
“Mas quando Saul viu e compreendeu que o Senhor era com Davi e que todo o Israel o amava, temeu muito mais a Davi; e Saul se tornava cada vez mais seu inimigo”(I Sm 18:28-29).

Algum tempo depois...

Saul toma Mical de Davi e dá a outro homem
“Pois Saul tinha dado sua filha Mical, mulher de Davi, a Palti, filho de Laís, o qual era de Galim” (I Sm 25.44).

Davi exige sua mulher de volta
“Também enviou Davi mensageiros a Is-Bosete, filho de Saul, dizendo: Entrega-me minha mulher Mical, que eu desposei por cem prepúcios de filisteus. Enviou, pois, Is-Bosete, e a tirou a seu marido, a Paltiel, filho de Laís, que a seguia, chorando atrás dela até Baurim. Então lhe disse Abner: Vai-te; volta! E ele voltou” (II Sm 3:13-14).

MICAL
-Foi usada pelo pai como objeto para se vingar de Davi.
-Depois o pai resolveu dá-la a outro homem e assim o fez.
-Tempos depois Davi manda buscá-la para ser sua esposa.
-O marido de Mical sai chorando acompanhando a esposa que ia ser mulher de outro homem.

A CIDADE ESTAVA EM FESTA

“Assim Davi e toda a casa de Israel subiam, trazendo a arca do Senhor com júbilo e ao som de trombetas. Quando entrava a arca do Senhor na cidade de Davi, Mical, filha de Saul, estava olhando pela janela; e, vendo ao rei Davi saltando e dançando diante do senhor, o desprezou no seu coração” (II Sm 6:15-16).

Era uma festa com 30.000 homens e sacrifícios oferecidos a cada seis passos da jornada da casa de Obede-Edom até Jerusalém, Davi chegou finalmente com a arca do Senhor até ao lugar que lhe havia preparado, em Sião. Ele vinha dançando e saltando diante da presença do Senhor. Sua alegria era imensa.

A esposa preferiu a janela...

















MUITAS PESSOAS PREFEREM FICAR NA JANELA...

Quando tem festas na igreja.
Quando tem eventos especiais.
Quando tem campanha de oração.
Quando deveriam abrir células.
Quando deveriam vir aos cultos.
Quando há caravanas para congressos.
Quando deveriam dizimar e ofertar.
Quando deveriam fazer Escola de Líderes.
Quando deveriam estar juntos, em unidade.
Quando deveriam honrar e zelar pela função que Deus deu na igreja.
Quando deveriam ganhar vidas para o Senhor.
Quando deveriam participar dos projetos da Igreja.

O grupo é o dos observadores, como Mical, a esposa estéril de Davi. Ficam sempre na janela, observando, olhando, sem agir ou fazer algo concreto. São passivos, letárgicos, enfim, o agir não é com eles. Preferem observar e, o que é pior, adoram murmurar e criticar.

Mical critica o marido
“E, voltando Davi para abençoar a sua casa, Mical, filha de Saul, saiu a encontrar-se com Davi e disse: Quão honrado foi o rei de Israel, descobrindo-se hoje aos olhos das servas e de seus servos, como sem vergonha se descobre qualquer dos vadios” (II Sm 6:20).

-Quem está na janela acha defeito em tudo.
-Tem a língua pesada.
-Mical deveria estar ao lado do marido e de toda a cidade celebrando o Senhor, era uma festa importantíssima, porém, preferiu ficar na janela.

Mical tinha seus motivos?
Ela deixou que as tribulações de sua vida fossem transformadas em amargura. Uma mulher que decidiu ter uma alma amargurada e que desprezava a verdadeira adoração ao Senhor.

Mical foi estéril
“E Mical, filha de Saul não teve filhos, até o dia de sua morte” (II Sm 6:23).

Todos nós sofremos afrontas e dores, porém, nenhuma delas pode resistir ao sacrifício da cruz. “Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e esmagado por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados” (Is 53:4).

Você pode entender a cruz?
“Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e carregou com as nossas dores; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido” (Is 53:5).

Você tem suas razões para ficar na janela?
-Leve-as à cruz agora mesmo, em nome de Jesus!
-Corra!
-Te posicione!
-Aproveite cada segundo da preciosa vida que Deus te deu.
-Se exponha!
-Saia da janela, a porta te espera!

QUEM NÃO QUER SE EXPOR NÃO VAI TER ÊXITO!

Suas razões e dores não podem ser maiores que a cruz.









Depende de você












Depois da porta...


Site MANT Belém

2 comentários:

♥ Dani Chagas ♥ disse...

Fantástico! Poderoso!
... e q o poder de Deus nos convensa sempre a sair da janela!
ótimo final de semana!!!

Jesus te abençoe
=]

Jefferson Rocha disse...

Quem permanece na janela apenas vê a historia acontecer mas quem sai porta afora faz a historia acontecer. A palavra de Deus é realmente linda.

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP