sexta-feira, 17 de abril de 2009

O craque trapaceiro

(Arca’s Futebol Clube, A Série) 3º Episódio

Após um início empolgante, conquistando as multidões como time revelação, o Arca's Futebol Clube promete surpresas para a próxima temporada. Durante coletiva de imprensa o Técnico anunciou as novidades no plantel, com direito a uma arma secreta contra o principal adversário – o Gafanhotos.

Para não prejudicar o esquema tático a escalação será anunciada somente durante o jogo. Um dos novos contratados irá vestir a camisa do craque Isaque, que pendurou as chuteiras após a última temporada. O maior torcedor (ao mesmo tempo secador) do time, Maneco, continua de olho na telinha.

Locutor: Comeeeeeça mais uma temporada do maior campeonato do universo. Você acompanha mais um embate entre o agressivo Gafanhotos e o Arca's Futebol Clube. E parece que tem novidade por aí!

Comentarista: É isso mesmo. Inclusive não foi permitido fazer imagens do treino para não estragar a surpresa.

Locutor: Então é só ficar de olho telespectador. Bola rolaaaaando!

Comentarista: Estão informando aqui que dois jogadores são irmãos, e gêmeos. Um deles está ali, o Esaú.

Locutor: É falta!!!! Faaaalta aos 45 segundos do primeiro tempo! E contra jogador do mesmo time!!!!!!

Comentarista: Que nada, é o irmão dele que veio agarrado no calcanhar do outro.

Locutor: ... foi confirmado nesse instante que essa é a tal arma secreta do Técnico, um tal de Jacó!

Maneco: Mas que trapaceiro. Mal entrou e já tá fazendo bobagem. Quem escolheu esse cara heim?

Locutor: Esse jogador é, digamos assim, excêntrico. Agora ele parte para mais um drible... no próprio irmão... Não era melhor partir pra cima do Gafanhotos?

Comentarista – Se continuar assim daqui a pouco sai gol contra.

Locutor – Olho no lance! Jacó faz o domínio da jogada e avança pelo campo em alta velocidade. Pelo desespero parece até que está fugindo.

Comentarista – Só pode ser do Esaú!

Maneco – Que horas começa esse jogo afinal? Olha só, o cara até parou pra dormir no meio do jogo! Tomara que o segundo tempo seja mais empolgante.

Locutor – Bem amigos da Casa do Pão. Todos estão na expectativa pra ver os gols. Mas nesse segundo tempo o jogo está ainda mais confuso. O Jacó inventou agora de lutar com o Técnico!

Comentarista – O cara é corajoso, heim! Onde isso vai parar?

Locutor – Mais detalhes com o nosso repórter esportivo, direto do campo.

Repórter – Jacó, ainda vai dar pra jogar com a junta da coxa deslocada?

Jacó – (ofegante) A gente vai... superando... essas adversidades... obedecendo as orientações do Técnico... pra manter... o resultado positivo.

Repórter – E de onde vem tanto otimismo?

Jacó – Vi ao Técnico ... face a face... e a minha vida... foi salva.

Locutor – Bem, o discurso é de craque. A bola voltou a rolar e agora é pagar pra ver.

Comentarista - Agora o Jacó está realmente com jeito de atacante. Está até combinando jogadas com o irmão.


Locutor – Mudou até de camisa. Agora não é mais Jacó, é Israel.

Comentarista – Você observa que ele só fez crescer no jogo.

Locutor – Ele virou o príncipe do jogo. Vai lançar, vai marcar.... Gooooooooooooooooooooooooooooolaaaaaaaaaaço!!!!

Maneco – Eu não disse! Esse é o cara!

Locutor – Israeeeel. Esse é o nome do jogo! Veio lá de baixo, fez e aconteceu como craque. É um jogador que vale por doze tribos. Isso é a fé triunfante!

Site MANT Belém

Nenhum comentário:

  © Blogger template Simple n' Sweet by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP